quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

ACAMPAMENTO DE CARNAVAL

ACONTECEU E FOI BENÇÃO!

Veja imagens e vídeos anexos.
Nos vemos na IG pra trocarmos figurinhas.
Valeu moçada!

TODOS POR UM!


video

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

2ª CONFERÊNCIA MISSIONÁRIA IPVO



Você precisa reservar essa data para estarmo conosco, no que cremos ser, no
ambiente dessa Conferência, uma Alavancada para vivermos um Novo Tempo no
envolvimento com a obra do Senhor. Preletores de renome Internacional, cujos
"releases" seguem abaixo, estarão nos abençoando com a Palavra de Deus nesses
dias.

Contamos com sua preciosa presença. Junte-se a nós, em resposta a inúmeras
orações que tem chegado ao trono de Deus para que ele levante ceifeiros; EU e
VOCÊ!

Paz

RELEASE DOS PRELETORES.


Margaretha Adiwardana
Indonesiana, residendindo no Brasil há mais de 25 anos. Professora demissiologia e antropologia, lidera projetos de alcance a países de alta resistênciaao Evangelho. Lidera também a SOS-Global, ministério para socorrer osatingidos por catástrofes naturais ou de guerra.


Estará ministrando sobre a urgente necessidade do envolvimento da igreja na evangelização dos povos.


Pr. Henrique Terena.
Lider indigenista, pastor e presidente do COMPLEI.
Voltado integralmente para alcançar as nações indígenas em nosso pais.

Estará ministrando sobre o avanço do Evangelho entre os povos indígenas e os desafios para a igreja de hoje.






Pr. Paulo Capelletti
Líder da Missão SAL que realiza um trabalho de restauração de vidas com viciados, homosexuais e prostitutas em São Paulo e Santo André.
Estará ministrando e desafiando a igreja a um engajamento efetivo no alcence desse grupo.







Rev. Marcos C. Agripino
Diretor Executivo da APMT (Agência Presbiteriana de Missões Transculturais) Desafios frente à APMT.

domingo, 8 de fevereiro de 2009

GRAÇA UNS AOS OUTROS

Na Bíblia encontramos a afirmação de que recebemos Graça da parte de Deus. A palavra “Graça” se interpreta como favor não merecido, ou seja, algo que recebemos de Deus sem que tenhamos feito nada por isso (Efésios 2:8).

A Graça é concedida pelo Pai para que ela nos ajude na hora da adversidade. Vem justamente quando mais precisamos e, em meio as nossas tribulações é socorro bem presente (Hebreus 4:16).

Podemos encarar todos os fatos de nossas vidas apenas como simples acaso ou destino. Ou então podemos confiar em Deus e permanecer na dependência dele que nos agracia com sua salvação. Os que não crêem geralmente até acusam Deus dizendo-se injustiçados.

Mas quando de fato reconhecemos Jesus como nosso Senhor e Salvador e entregamos totalmente nossas vidas em suas mãos podemos ver a Graça de Deus sendo revelada em nossas vidas.

A revelação da Graça nos edifica e serve para edificar nosso próximo. Assim, vemos também que somos canal de bênçãos e da Graça de Deus quando vivemos na comunhão uns com os outros. Recebemos Graça sobre Graça de Deus como fruto da comunhão no corpo de Cristo. Viver a Graça de uns aos outros deveria ser nosso estilo de vida (ver 1 Pedro 4:10).

Osmar da Cruz Martins, Presb.


EDIFICANDO A VIDA ESPIRITUAL:
1. Você se lembra de fatos ou situações específicas em que a Graça de Deus lhe ajudou muito sendo presente em sua vida? Como você estava em relação a Deus nessas situações?

2. Existem duas maneiras pelas quais normalmente uma pessoa pode reagir na hora de uma adversidade. Você poderia refletir e compartilhar com alguém uma dessas situações em sua vida?

3. O texto desse estudo fala de duas formas pelas quais temos recebido da Graça de Deus todos os dias, principalmente quando enfrentamos adversidades. Você tem vivenciado situações dessas duas experiências? Qual seu testemunho a respeito?


AVISOS:
- ESTUDO BÍBLICO para mulheres, Tema: CONHEÇA-TE A TI MESMO,
quintas, 18:30h na IPVO;
- VIGÍLIA, 27/fev. no Maanaim, saída da iupvo às 22:00h;
- INTERCESSÃO, quintas, 19 às 20:h na IPVO;
- MULHERES PRESBITERIANAS - HOJE PARABÉNS PELO SEU DIA.


ANIVERSARIANTES DA SEMANA
08/02 - FRANCISCO (CHIQUINHO) RODRIGUES - 3262-0385

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

2ª CONFERÊNCIA MISSIONÁRIA



Organize-se e VENHA PARTICIPAR CONOSCO

nesses dias. PROGRAME-SE !!!

O PERIGO DO ISOLAMENTO

“Não é bom que o homem esteja só” (Gn 2:18)


Você já se viu sozinho em algum momento de sua vida? Qual foi a sensação? Foi boa? Creio que não, pois o próprio Deus já havia dito que “não é bom que o homem esteja só”.

Atenção! É estratégia de Satanás e do mundo que o isolamento seja a realidade de todos os seres humanos, principalmente dos crentes, pois ele sabe que a força do cristianismo está na união e comunhão dos santos.

Como resistir a ameaça do isolamento? Buscando envolvimento com Deus, na família, na igreja e com os não-crentes. No entanto, estes envolvimentos carecem de cuidados e atitudes que são ensinadas na Bíblia, um bom exemplo disso é encontrado no texto de (At 2:43-45).

A necessidade de envolvimento entre as pessoas se dá pelo menos por duas razões óbvias: É um mandamento de Deus e, se trata de uma necessidade primordial de todas as pessoas. No texto de (Rm 12:9-16), o apóstolo Paulo descreve uma forma saudável de se desenvolver relacionamentos com base no amor cristão.

Já em (1 Co 12:25-27), o apóstolo dos gentios nos dá três ingredientes necessários nas pessoas para que as relações ocorram saudavelmente, são elas: Espontaneidade (v.25); vulnerabilidade(v.26) e responsabilidade (v.27).

Precisamos nos esforçar para fugir da situação danosa da solidão. A solidão é uma assassina impiedosa que tem ceifado a vida de muitas pessoas. Que Deus preencha em você todos os vazios.

Pr. Jessé Guimarães.


EDIFICANDO A VIDA ESPIRITUAL
1. Defina com suas próprias palavras o que é envolvimento, como ele resolve o problema da solidão e de um a dez, que nota você se dá nesta questão.

2. Seja sincero, e examine sua tendência de “empurrar” aqueles que tentam aproximar-se demais. Isso acontece com você?

3. Duas razões nos levam a investir no envolvimento: Deus ordenou e se trata de uma necessidade de todos os seres humano. Mencione bênçãos que outras pessoas lhes comunicaram e que você já pôde comunicar para alguém.

4. Espontaneidade, vulnerabilidade e responsabilidade são três ingredientes importantes do envolvimento saudável. Escolha um deles e medite com o grupo sobre seu valor. Lembre de alguma situação em que tenha visto isso acontecer.

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009



ACAMPAMENTO DE CARNAVAL
Você não vai ficar de fora, não é mesmo !!!
Faça já sua inscrição
IPVO - 44 3226 4473

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

ABRA OS OLHOS DO MEU CORAÇÃO

“... muitos o verão, e temerão, e confiarão no SENHOR.” (Salmos 40:3)


Andar em paz na vida e libertos das amarras do pecado, dos vícios e das adversidades em geral é ainda um sonho na mente e no coração de muitos. Para essas pessoas, esse sonho pode estar muito próximo de se tornar realidade, e de uma maneira
maravilhosa, melhor do que pensamos. Para isso é necessária uma decisão pessoal, de uma entrega total, e sem reservas, confiar nossas próprias vidas aos cuidados do Senhor Jesus que já realizou todas as obras para que andássemos nelas (Efésios 2:10).

Ele mesmo nos livrou das amarras do pecado, nos deu a sua paz e mais, prometeu estar conosco todos os dias de nossas vidas, até a consumação dos séculos.

Mesmo assim é possível que, na maior parte do tempo, muitos não consigam ver a sua ação e soberania em todas as coisas que acontecem nas circunstâncias de suas vidas. Assim também não reconhecem os propósitos de Deus para cada um dos seus filhos que foram adotados por meio de Cristo (Efésios 1:5).

Assim, vem o sofrimento nas muitas adversidades geradas como conseqüências de pecados cometidos. Também, muitos têm sido atribulados pelo inimigo de nossas almas e desanimam sem chances de vitória alguma, se acham impotentes para vencer mais essa adversidade.

Mas em tudo isso a soberania de Jesus é manifesta e, porque nos ama, Ele também tem agido como purificador e refinador daqueles a quem o Pai lhe confiou as suas vidas (Malaquias 3:3). E então só conseguimos ver mais adversidades e adversidades.

O que precisamos fazer? A Palavra do Senhor nos diz que precisamos reconhecê-lo, em todos os nossos caminhos, e Ele mesmo endireitará os nossos caminhos (Provérbios 3:6). Somente reconhecendo o Rei da Glória, Jesus Cristo, como Senhor e Salvador de nossas vidas seremos menos resistentes para entregar tudo em Suas mãos. Porque veio para nos conceder a vitória e restituir a alegria, para isso toda autoridade lhe foi dada, nos céus e na terra (Mateus 28:18).

Se fizermos uma aliança com Ele aí sim teremos olhos para ver sua ação em nossas vidas. É Ele quem nos ajuda, nos dá alívio nas batalhas que enfrentamos, nos esforça nas adversidades, nos consola nas tribulações, guia os nossos passos e mais, defende-nos em todas as nossas causas.

É Jesus quem cumpre tudo em todos (Efésios 1:23) e sua vinda a este mundo foi para nos dar uma vida melhor. Sem Ele nada podemos fazer e nossa vida se torna infrutuosa (João 15:5).

Se alegre por ter essa oportunidade de conhecê-lo pessoalmente e por saber que Ele não desiste de você nunca. Jesus age com poder e soberania sobre todas as coisas e o seu propósito é estabelecer a paz na sua vida, foi para isso que ele veio. É o amor de Deus que faz todas essas coisas.

Venha participar do culto de adoração e louvor ao nosso Deus e conhecer mais de Jesus. Você poderá ver sua ação em sua vida e o amor que Ele tem por você.


Presbítero Osmar da Cruz Martins